domingo, 1 de novembro de 2009

Reforma de Amenófis IV (Egito)

Amenófis IV viveu entre 1379 a1362 a.C.(1372 a 1354 segundo outros autores). O Egito era uma região politeísta, o que era normal em seu período. O nome Amenófis que tem sua etimologia tirada de Amon, um deus egípcio. Após a luta longa para expulsão dos hicsos, sobreveio uma tremenda corrupção no clero egípcio. As causas dessa corrupção no Novo Império ficaram desconhecidas, mas é certo de que os sacerdotes, ávidos de dinheiro, exploravam a superstição e o terror das massas, mercantilizando e aviltando a religião.

Quando Amenófis IV recebeu a coroa do Egito, ele se deparou com um poder clerical que dominava as massas. Alguns sacerdotes desejavam que Rá fosse o deus-supremo, outros desejavam que Ptah fosse o grande deus do Egito, e ainda havia outros sacerdotes que defendiam a causa de Amon. Amenófis IV não escolheu nenhum desses deuses e sim o desconhecido deus Aton, que significa Raios de Sol. Até seu nome foi mudado em razão dessa defesa a Aton, passando a se chamar Akhenaton ou Ikenaton que significa “serviçal para com Aton”.

Tentando neutralizar o poder religioso dos sacerdotes, Akhenaton tentou fazer uma extraordinária reforma religiosa, tentando destruir o politeísmo egípcio, substituindo-o pelo culto exclusivo de Aton. Foram confiscados todos os bens dos templos de Amon e repassados para Aton. Imagens e inscrições e outros deuses foram destruídas

Tudo indica que esse era um grande golpe político, pois neutralizando o poder sacerdotal do clero, certamente Akhenaton seria um grande faraó, livre de uma oposição ativa. Isso é tão claro que, Akhenaton abandou Tebas e fundou uma nova capital, Iketaton que significa, “lugar da glória efetiva de Aton”. Hoje essa cidade é chamada de Tel-el-Amarna.

O plano de Akhenaton não progrediu com sucesso, pois dois genros seus ocuparam seu lugar após sua morte e restabeleceram a corte de Tebas e o antigo culto a Amon. A viúva de Akhenaton, Nefertite continuou com o culto a Aton.

Por Prof. Yuri Almeida

14 comentários:

  1. muuito bom , serviu muito para o meu trabalho !

    ResponderExcluir
  2. valeu mesmo muito obg!!

    ResponderExcluir
  3. Wow..=D
    Encontrei todo meu trabalho (resumido rsrsrs)aki..Valeuu..!!!

    ResponderExcluir
  4. encontrei a aula certa! muito obrigada... thau

    ResponderExcluir
  5. parabéns pela explicação!!!
    muito bom o seu jeito simples de escrever

    ResponderExcluir
  6. eu não tinha entendido muito bem a matéria , mas , agora ENTENDI MUUUITO , obrigada!

    ResponderExcluir
  7. muita obg!!!! me ajudou bastante pro meu trabalho de história !!!!

    ResponderExcluir
  8. Num me ajudou naao, mas vllw.. e parabens!!

    ResponderExcluir
  9. Me ajudou muito no trabalho de história e esse texio esta perfeito,mas poderiam colocar mas fotos,eu tive que pesquisar fotos no google mas o texto esta perfeito.

    ResponderExcluir
  10. não foi um golpe político.....

    ResponderExcluir
  11. claro, além de ter 17 anos quando assumiu o trono (1379 a1362) sua filha, deve ter se casado com 1 ano de idade, e QUE ELE TINHA GENROS QUANDO MORREU, QUE POR SUA VEZ TINHAM A MESMA IDADE DA FILHA...... Legal, e esses alunos vadios ficam aqui ainda colando!!! Ass: professor muito bravo!

    ResponderExcluir
  12. muito bom o texto, me auxiliou bastante nos meus estudos pro enem e vestibular.

    ResponderExcluir